A importância da competência do auditor na condução da segurança de alimentos.

Nos últimos dez anos, foram dados passos inovadores que revolucionaram a forma como a certificação de terceira parte é realizada – não apenas por parte dos próprios organismos de certificação, mas de vários grupos de interesse em todo o setor de alimentos, incluindo fabricantes, varejistas, governos locais e a Organização Internacional para Normalização (ISO) e organismos como a Global Food Safety Initiative (GFSI), que, juntamente com a ISO, conciliaram o número de normas e esquemas disponíveis - uma iniciativa que promoveu uma série de eficiências relativas à auditoria, benchmarking e custos.

A melhoria da competência dos auditores está no foco dos mais recentes Requisitos de Benchmarking da GFSI (Global Food Safety Initiative). Os auditores dos programas de certificação reconhecidos pela GFSI devem passar por um exame destinado a avaliar a competência em uma série de habilidades.

No caminho para a segurança de alimentos, um compromisso com a competência do auditor é um passo fundamental, e um passo que nós do LR temos orgulho de defender.

Descubra como abordamos três grandes considerações sobre a condução da segurança de alimentos:

  • Calibração – as auditorias são realizadas em um nível elevado e consistente
  • Regulamentação – um passo adicional para garantir que os auditores continuem a oferecer avaliações sólidas e uma classificação responsável numa base global
  • Inovação – transformando dados em insights significativos e planos acionáveis

Competencia do auditor